Pátio abre inscrições para concurso de música de rua com mais de R$ 10 mil em prêmios

Pátio abre inscrições para concurso de música de rua com mais de R$ 10 mil em prêmios

By Abril 27, 2018Dicas, Notícias
Músico Rafael Reiter se apresenta no projeto Toca Aí

O Pátio Metrô São Bento está lançando o Toca Aí – 1º Concurso de Música de Rua, que acontece de 28 de julho a 18 de agosto, sempre aos sábados, no próprio empreendimento, localizado no Largo São Bento, bem aos pés do mosteiro de mesmo nome. No total, serão distribuídos até R$ 12.350,00 mil em prêmios, sendo que o vencedor fica com R$ 5 mil. O Concurso será dividido em quatro partes: inscrições, seletivas, eliminatórias e final.

A ideia do Concurso foi uma evolução de um projeto que já acontece no Pátio Metrô São Bento, o Toca Aí. Através desta iniciativa, o Pátio oferece um espaço para os músicos de rua se apresentarem e poderem arrecadar contribuições do público que passa pelo local. Desde o final de outubro de 2017 aconteceram no open mall mais de 300 apresentações com a participação de 60 artistas diferentes.

“Assim como em outras metrópoles do mundo, queremos incentivar o trabalho dos músicos de rua. Aqui no Pátio passam cerca de 4,3 milhões pessoas por mês e estamos de portas abertas para os artistas anônimos talentosos que queiram se apresentar e levar cultura para o público que frequenta a região. E o concurso veio para valorizar ainda mais o talento desses artistas”, diz Isabela Parrón, gerente de marketing e ações culturais do empreendimento e idealizadora do projeto Toca Aí.

O saxofonista Rafael Reiter se tornou artista de rua há dois anos quando perdeu o emprego e investiu a rescisão na compra de um sax. Como não conseguia emprego começou a tocar na rua e o que era hobby virou profissão. Rafael se apresenta no projeto Toca Aí e para ele foi uma forma de reconhecimento do seu trabalho.

“A música de rua é uma coisa histórica, desde a Grécia antiga que os músicos tocavam na rua e abriam as suas caixinhas para as pessoas contribuírem com o trabalho artístico. E, infelizmente, aqui em São Paulo e no Brasil não tem valorização. Mas a partir do projeto os músicos tiveram a oportunidade de tocar em um local com mais segurança, com cobertura, não precisam ficar embaixo do sol e podem se apresentar em dias de chuva. Somos tratados pela organização como artistas que somos”, conta Reiter.

Thiago Branduliz sempre gostou de música, mas sua vontade de virar músico aflorou durante a faculdade de Design na UNESP quando passou a usar como linguagem, além do desenho, a música. Após mudar para São Paulo e mais experiente musicalmente, começou a se apresentar em locais públicos onde podia disseminar a música popular brasileira e não precisava seguir o padrão determinado pela mídia para fazer sucesso. Faz mais de nove anos que Thiago toca, principalmente choro, nas ruas como fonte de renda e forma de expressar a sua arte. Ele vê o projeto musical do open mall como um propulsor da arte urbana. “É um espaço com acústica, tomada, legalizado para tocar, que incentiva e permite um diálogo entre artista e público.  Onde temos uma liberdade autoral de repertório”, Branduliz

Carolline Vicari Marques estudava canto na academia de música da OSESP e foi incentivada pelo marido, que já se apresentava na rua, a seguir na arte urbana. Carolline que canta, toca piano e violino, considera o Toca Aí uma vitrine.

“A proposta é interessante por ceder espaço para os músicos se apresentarem, sendo que a maioria não faz isso porque não vê como trabalho, as pessoas não dão esse valor. O Toca Aí é muito importante para minha divulgação, muitas pessoas assistem minhas apresentações e já fui até contratada para tocar em casamento e outros lugares por causa do projeto”,

Para se inscrever no Toca Aí – 1º Concurso de Música de Rua do Pátio Metrô São Bento, os interessados devem preencher um formulário no site e enviar, além das informações pessoais, um vídeo se apresentando na rua. Não há restrição quanto ao estilo musical do candidato. O período desta fase vai de 23 de abril a 23 de maio de 2018.

A organização selecionará candidatos para as seletivas. Nesta etapa, que ocorre de 09 de junho a 08 de julho, o músico ou banda deve se apresentar no Pátio Metrô São Bento em data combinada para ser avaliado pela organização. A produção escolherá até 30 músicos para participarem das eliminatórias do Concurso.

As eliminatórias acontecerão nos dias 28 de julho, 4 e 11 de agosto, no próprio Pátio Metrô São Bento. Cada dia terá até 10 atrações, sendo que de cada eliminatória três artistas avançarão para a decisão. O critério de avaliação será o seguinte: três jurados terão um total de R$ 100 em fichas por apresentação de cada artista; durante o show, os jurados depositarão em um chapéu a quantia que acharem condizente com a performance; ao final do dia, os artistas poderão trocar as fichas por dinheiro; os três músicos que acumularem mais fichas em cada dia avançam à final.

A final acontece em 18 de agosto. No total, nove artistas estarão classificados para a decisão. O método de avaliação será o mesmo da etapa eliminatória, com os jurados depositando fichas no chapéu do artista. Quem acumular mais fichas na decisão ganha o prêmio de R$ 5.000,00. O segundo colocado leva R$ 2.000,00 mil. O terceiro, R$ 1.000,00.

Além das apresentações dos candidatos, o Pátio Metrô São Bento levará em cada uma das eliminatórias e na decisão um artista já consolidado para compor o júri e encerrar as atividades do dia.

 

Imagem de destaque: Rafel Reiter
Foto: Arquivo Pessoal do Artista

O Pátio Metrô São Bento é um empreendimento comercial em implantação no Largo São Bento, bem aos pés do Mosteiro São Bento. O espaço contará com opções de gastronomia, varejo e serviços, sempre com o objetivo de simplificar a vida de quem frequenta a região. Nós sabemos da importância do lugar onde estamos e sempre buscamos valorizar a cultura e a história daqui

Leave a Reply